O Jogo das Entrelinhas

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Virou um jogo nosso caso. Um querendo poder extrair o máximo de verdades do outro, sem contar uma única para equilibrar. Ambos jogando o famoso "verde", querendo colher não o "maduro", mas sim o "pronto no prato".

Se fosse uma guerra, diria que dois grandes estrategistas estão frente a frente, um sendo ponto fraco do outro, uma "criptonita". Porém, aliados eles trabalhariam muito melhor, saberiam se sair de qualquer situação.

Algo me vem a cabeça, uma pergunta: "O que impede?" Resposta: "O Medo!".

Se por acaso, infeliz leitor, você viu alguma virgula, palavra ou frase caída por aí, não devolva ao texto, talvez faça parte do jogo. Deixe que uma hora, ambos dos lados vão se entregar - ou os dois juntos - e eles próprios vão juntar escrita por escrita, dita por dita.

Amor: Utopia?

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Pensamos que entendemos a vida de maneira vitoriosa, gloriosa, sendo assim a melhor pessoa do mundo.

Um dos maiores mistérios da vida, e mais “decifrado” por nós desgraçados homens, é conhecido pelo codinome “amor”. Talvez seja ela a única palavra que detenha o maior número de significados.

Para alguns, o amor é o sentimento mais divino existente no mundo; Para outros, eis então o sentimento mais horroroso da face terrestre, desgraçando a vida de todos que o sentem; Ainda sobre os significados, outro também comum, é a inexistência dessa palavra, sendo uma utopia, algo encarado como desculpa para aqueles que não encontram o verdadeiro caminho de viver.

Não sei – leitor que perde seu precioso, ou não, tempo me lendo – qual o significado da palavra amor, ao menos para mim. Não sei se amei, se amo ou se amarei. Sentimentos fortes, te garanto que já senti, pode não ter sido suficientes para dizer que amei.

Uma coisa eu posso vos garantir a palavra “amor”, depois da palavra “viver”, é a mais difícil de entender.

Contra Princípios

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Quem diria Senhor Luiz Henrique Sales, logo você que sempre detestou certos aspectos em algumas meninas, foi se envolver logo com uma que detêm todos eles e mais alguns desconhecidos.

Diria um "Bem-Feito", já que está pagando essa sua língua de trapo, que mal cabe dentro da boca. Porém, no início citei a palavra "meninas", creio que esta nova aventura não seja com uma "menina", e sim com uma mulher.

Reflita meu querido amigo! Você próprio já fez atitudes, insinuou mentiras e diversas outras tolices para legítima defesa. Qual o problema da própria ter feito isso também? Alias ambos tem uma vida muito parecida, não acha?

Medo de arriscar? Ora, meu bom rapaz, por quantas e quantas vezes você não teve este mesmo medo. Sabe qual é a diferença que te pressiona? A falta de uma "coluna", um "fiel escudeiro" para te ajudar.

Sim, eu sei que seus amigos sumiram, e pra piorar a única que sobrou não entenderia essa sua escolha. Mas me use, pense comigo. Melhor dizendo, já pensou. Sua escolha foi tomada, e não há como voltar atrás. Como disse a própria, vamos imaginar que tudo dará errado, assim doerá menos.

Minha insana mente.

Doce Ilusão

Eu te esperei, por você lutei.
Sempre estive aqui,
Querendo morrer em ti.
Não e não foi o que levei.

Honrosa você seria
Se desde o início
Esperanças não me faria.

Tantos outros tolos no mundo
Para serem afogados no amor profundo,
Por que eu?

Tempo se passou,
Juras de amor eterno, sim eu fiz.
Mas a paciência esgotou,
e com diferentes juras, daqui me vou.

Luiz Henrique Sales

SAUDADES *------------*

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Gente, como pude ficar tanto tempo longe de vocês? =O Falem pra mim? =O Porém, agradeço à maioria dos meus leitores deste blog, que sempre me acompanharam no "Brinco TV" e vão continuar me acompanhando, agora como colunista.

Nossa, nem se eu queresse fazer um resumo e declarar o que vive na minha "pacata vida", que por sinal deixou de ser "pacata", não conseguiria.

O que posso garantir? A minha vida andou... sai da MTV =/ Mas foi por um bom motivo, e por nenhum momento deixei de, ao menos, dar um "bizólinha" por lá.

Aqui em casa as coisas andam na mesma, talvez um pouco melhor ou pior, não sei descrever.

No mundo amoroso, estou mais confuso que nunca, mas próximo de uma decisão que pode mudar o rumo de tudo que pensei. Estou dividido entre 2 beldades... uma é a de sempre, outra já citei por ai, mas prefiro manter sigilo - até porque nem eu sei o que sinto por ela.

No lado profissional, como vocês leram logo no início, começarei minha coluna no "Brinco TV", que se chamará "Raio-X". Já digo em primeira mão que o primeiro tema será Daniela Beyruti, filha de Silvio Santos e herdeira do SBT.

Bom, espero postar com uma frequência boa por aqui, saudades MONSTRO de vocês! *-*
=**